• Talita Lelis

5 vieses inconscientes em processos seletivos

Se você está contratando com base no feeling, provavelmente está contratando com base no viés inconsciente. Tecnicamente falando, vieses inconscientes são também conhecidos como preconceitos implícitos, atitudes e os estereótipos subjacentes que as pessoas, inconscientemente, atribuem a outra pessoa ou grupo de pessoas que afetam a forma como entendem e se envolvem com uma pessoa ou grupo.


Os vieses inconsciente tem sido um dos fatores que deixam uma experiência do colaborador (seja ela como candidato ou já como colaborador) negativa. Mais do que isso, falar sobre viés inconsciente incomoda e muitas vezes, pode cria resistência. Porém, são pensamentos tão enraizados que se não os colocarmos em evidência, corremos sérios riscos de prejudicarmos o negócio e principalmente de sermos antiéticos e injustos nos processos seletivos.


Portanto, a melhor maneira de impedir esses preconceitos inconscientes é tomar consciência deles e tomar medidas para evitá-los no recrutamento, contratação e experiência do colaborador. Isso ajudará sua equipe de RH a construir um local de trabalho mais diversificado e inclusivo.


Esse tema é tão importante e complexo que necessita ser “vigiado” por todos, sempre que nos deparamos a uma atividade de seleção ou rankeamento (como por exemplo o 9box) onde tendemos a colocar nossas experiências prévias em detrimento ao que o candidato mostra de fato no momento da avaliação. Por isso, trouxemos 5 vieses inconscientes que acontecem no processo seletivo e algumas dicas de como combate-los:

1) Viés de Contraste


É o efeito quando você compara duas ou mais coisas com as quais entrou em contato - simultaneamente ou uma após a outra - fazendo com que você exagere no desempenho de uma em contraste com a outra.


É um dos tipos mais comuns de vieses no recrutamento e seleção. Ao analisar muitos candidatos, pode parecer ser fácil comparar-los e determinar qual é o melhor do outro. Uma entrevista excepcionalmente boa pode fazer a próxima parecer terrível.



Maneiras de evitar o efeito de


2) Viés de atribuição

Viés de atribuição é um fenômeno em que você tenta entender ou julgar o comportamento de uma pessoa com base em observações e interações anteriores que teve com esse indivíduo que compõem sua percepção dele.





Viés de atribuição no local de trabalho: Embora isso possa parecer inofensivo, os seres humanos são rápidos em julgar e assumir falsamente coisas sobre uma pessoa sem conhecer sua história completa. Ao contratar, o viés de atribuição pode fazer com que os gerentes e recrutadores determinem um candidato inadequado para o trabalho devido a algo incomum em seu currículo ou comportamento inesperado durante a entrevista, como por exemplo, chegar atrasado por conta de um imprevisto.


Maneiras de evitar o viés de atribuição: em vez de assumir (porque todos sabemos o que eles dizem sobre assumir) um candidato não é adequado para um emprego porque estava atrasado para a entrevista, pergunte-lhes o que aconteceu - pode ser totalmente inocente e sem precedentes. Esse erro também pode prejudicar deficientes ao assumirmos que não vão dar conta de realizar uma determinada tarefa (sem ao menos consultar ao médico do trabalho), a uma mãe com filhos pequenos - que ao meu ver não terá disposição ou tempo para se dedicar, alguém que mora em um bairro afastado e pobre - que commm certeza chegará atrasado no trabalho! E por aí vai....


3) Viés de afinidade


O viés de afinidade, também conhecido como viés de semelhança, é a tendência que as pessoas têm de se conectar com outras pessoas que compartilham interesses, experiências e antecedentes semelhantes. De repente você tem um candidato na sua frente que usa o mesmo perfume que você ou que gosta de comer pipoca com leite condensado. Impossível resistir não é mesmo?


Mas é aí que mora o perigo! Até que ponto o "fit cultural" é saudável? Quando as equipes de contratação conhecem alguém de quem gostam e que sabem se dar bem com a equipe, é mais frequente porque essa pessoa compartilhe interesses, experiências e antecedentes semelhantes, o que não ajuda a sua equipe a crescer e diversificar. Embora as semelhanças não devam desqualificar um candidato, elas também nunca devem ser o fator decisivo.





Maneiras de evitar o viés de afinidade: Dê pesos para as atribuições que da fato são importantes para o cargo, assim fica mais fácil separar preferências pessoais dos atributos profissionais que a pessoa demonstrou no processo avaliativo. Provas/entrevistas técnicas também ajudam muito a diminuir esse viés.


4) Viés do efeito Halo

O efeito halo é a tendência que as pessoas têm de colocar outra pessoa como referência a partir de algo impressionante ou que se destaque.


O efeito halo pode entrar em ação em qualquer estágio do processo de contratação. Você pode ver um candidato trabalhando em uma empresa conceituada ou julga-lo por uma certificação super importante, pressupondo que a sua habilidade fale por meio dos aspectos do seu currículo. Isso acontece ao contrário também, quando julga, por exemplo, uma pessoa que ficou doente durante 1 ano e que por conta disso possui um hiato no currículo.





Maneiras de evitar o efeito halo: você provavelmente está procurando algo único que faça com que um candidato se destaque dos demais. Ao fazer isso, também considere o candidato sem esse atributo brilhante e veja como suas experiências, habilidades e personalidades se comparam a outros candidatos que podem não ter os mesmos privilégios ou oportunidades.


5) Viés da conformidade


Viés de conformidade é a tendência que as pessoas têm de agir de maneira semelhante à pessoas ao seu redor, independentemente de suas próprias crenças pessoais ou aparências (pressão do próprio ambiente ou colegas)

Se você tenta incluir mais pessoas num processo decisório. Como por exemplo entrevista do candidato com a equipe de colaboradores, o viés de conformidade pode fazer com que alguém da equipe influenciem sua opinião sobre um candidato para corresponder à opinião da maioria. O problema é que a maioria nem sempre está certa, o que pode fazer com que sua equipe perca um excelente candidato, porque as opiniões individuais ficam confusas em um ambiente de grupo.





Maneiras de evitar o viés de conformidade: antes de reunir sua equipe de contratação para analisar um candidato, peça que todos anotem e enviem suas opiniões individuais separadas umas das outras imediatamente após o término da entrevista. Envolva pessoas no processo seletivo que atuarão em projetos dentro da empresa com esse novo colaborador, porém de fora da equipe, isso também vai ajudar no onbording do candidato e claro ter uma percepção cliente-fornecedor mais assertiva dentro da seleção.

Quais são os vieses que você precisa combater todos os dias?


Em resumo:

Infelizmente nunca conseguiremos eliminar todos eles, mas é possível diminuir seus efeitos:

o Se atente a descrição do cargo e divulgação da vaga – Remova palavras sexistas;

o Sempre que possível, realize testes que reflitam as atividades da vaga – para que o desempenho de fato entre candidatos seja comparável;

o Faça entrevistas estruturadas, ou seja, faça as mesmas perguntas para todos. Perguntas técnicas e não pessoais.

o Tenha mais pessoas envolvidas no processo decisório – quanto mais opiniões distintas com foco em desempenho – menos probabilidade de escolha por afinidade. Aproveitamos, falaremos muito disso no nosso treinamento de Experiência do candidato. Informações: rhlab.co/eventos

262 visualizações

VEJA NOSSOS EVENTOS FUTUROS

ab5715_b6ae928361fa44dd8061fe9cd69e2299~mv2.jpg

ab5715_b6ae928361fa44dd8061fe9cd69e2299~mv2.jpg

ENDEREÇO

Do digital para o Brasil. 
Mas alocados com muito ❤️ em Brasília. 

CONTATO

2015 RHlab © - Todos Os Direitos Reservados

SIGA A GENTE